Leite: Jerónimo Martins quer fábrica para abastecer “100% das necessidades do grupo” em Portugal

A nova fábrica de leite que a Jerónimo Martins Agroalimentar vai construir em Portalegre, a inaugurar “no primeiro semestre de 2017”, garantirá “o abastecimento de 100% das necessidades do grupo Jerónimo Martins em Portugal”, não estando prevista a exportação deste produto para os 149 supermercados ARA do grupo na Colômbia (1000 lojas até 2020).

Em entrevista à “Vida Económica”, António Serrano, CEO da empresa, garante que a nova unidade de processamento de leite “vai triplicar a produção da atual, atingindo os 90 milhões de litros/ano, garantindo o abastecimento de 100% das necessidades do grupo Jerónimo Martins em Portugal”. O investimento associado é de cerca de 40 milhões de euros.

Na entrevista, o CEO avança que o negócio da fábrica tem crescido "em função das necessidades do grupo" e que a fábrica é hoje mais eficiente, resultado do programa de melhorias introduzidas.

A fábrica, com inauguração prevista para o final do primeiro semestre de 2017, vai triplicar a produção da atual, atingindo os 90 milhões de litros/ano, garantindo o abastecimento de 100% das necessidades do grupo Jerónimo Martins em Portugal. O investimento previsto é de cerca de 40 milhões de euros.

FONTE: Vida Económica (via ANIL)