Tunísia quer plantar 50 mil hectares de oliveiras por ano

O governo tunisino tem a ambição de fazer da Tunísia o primeiro país exportador de azeite do mundo, para tal, o Ministério da Indústria vai avançar com um estudo para avaliar o fundo de promoção de azeite.

Este estudo, realizado por uma consultora independente, vai permitir avaliar o funcionamento do fundo e melhorar as exportações, segundo uma publicação da Africanmanager.

O fundo será financiado a 100% pelos exportadores, ao qual dedicam 0,5% dos seus rendimentos cujos recursos em 2015 podem chegar aos quatro milhões de euros.

Para além disso, o Ministério tunisino prevê um programa de plantação massiva de oliveiras de forma a fortalecer o sector exportador, o qual estima a plantação de 50 mil hectares de árvores por ano nas zonas do norte do país com maior precipitação.

Fonte: Agrodigital