FacebookLinkedin

Agrotec

Produção de azeite em Portugal cai 23 por cento em 2012/2013

azeiteA produção de azeite em Portugal deverá ter caído 23 por cento na campanha 2012/2013, acompanhando uma quebra de 26 por cento a nível mundial, segundo dados do Conselho Oleícola Internacional (COI).

No entanto, de acordo com os dados do COI, as projecções para 2013/2014 apontam para uma produção mundial de três milhões de toneladas, representando um crescimento de 20 por cento face à temporada de 2012/2013, que também se deverá fazer sentir em Portugal, a par da Espanha os únicos produtores de azeite da União Europeia (UE) para os quais está previsto um crescimento.

«A produção da temporada de 2012/2013 é mais baixa em geral nos países produtores da UE A nível individual, apresenta uma queda de 62 por cento em Espanha, causada pelas condições climatéricas adversas, e de 23 por cento em Portugal, contrastando com uma subida de 22 pontos na Grécia e de nove por cento em Itália», acrescenta o documento do COI.

Segundo aquele órgão internacional, a informação relativa a 2013/2014, que aponta para uma produção de três milhões de toneladas, é ainda muito precoce para ser encarada como “sólida”, aguardando-se por novos dados em Novembro.

Porém, as estimativas para os países-membros do conselho indicam que será Espanha a assistir a um maior crescimento em 2013/2014, «assim recuperando da queda sentida na temporada prévia», enquanto no resto dos países produtores da União Europeia se prevê que a produção se mantenha estável, excepto em Portugal onde deverá crescer, e na Grécia, onde se espera que seja mais baixa «como resultado das altas temperaturas e ventos quentes deste Verão».

De acordo com dados disponibilizados pela Casa do Azeite tendo o COI por fonte, a produção prevista de azeite em Portugal na campanha de 2012/2013 deverá ser de 69 mil toneladas, abaixo das 76 mil da campanha anterior.

Fonte: Lusa (via Confagri)