Câmara de Montalegre promove sessões de esclarecimento sobre vespa velutina

O Município promove três sessões de esclarecimento que visam combater a denominada vespa velutina, mais conhecida por vespa asiática.

Texto: Sofia Monteiro Cardoso

A ações promovidas através do Gabinete Técnico Florestal (GTF) decorrem em Fafião, Salto e Montalegre, entre os dias 26 e 28 de agosto.

A vespa velutina representa um elevado risco ecológico, tanto para a saúde pública, como para a economia local. Como tal, o Município de Montalegre decidiu dar a conhecer outras peculiaridades da conhecida vespa asiática.

As temáticas das três sessões são abrangentes. A primeira será sobre a identificação da espécie (caraterização e ciclo de vida), enquanto a segunda se irá concentrar na distribuição no concelho de Montalegre. Em último lugar, serão apresentes diferentes estratégias de combate (captura de vespas, eliminação e ninhos).

Elaborando o Município um plano de combate à vespa velutina, o mesmo contemplou, como medida primária, a implementação de uma rede de 200 armadilhas dispersas por todas as localidades do concelho, entre os inícios dos meses de março e meados de junho, período em que as vespas saem da sua hibernação.

As sessões estão abertas a toda a comunidade.