FacebookLinkedin

Agrotec

“Bagas de Portugal”: nova Cooperativa para os pequenos frutos

Um grupo de produtores de pequenos frutos uniu-se e fundou a “Bagas de Portugal, C.R.L.”, uma cooperativa agrícola de responsabilidade limitada que pretende vir dar resposta a várias necessidades sentidas no desenvolvimento da sua atividade, nomeadamente a comercialização do fruto.

Com cerca de 40 sócios fundadores, a Bagas de Portugal tem sede em Sever do Vouga - edifício Massas Vouga - mas abrange todo o território nacional.

Além de “pretender dar resposta à questão do escoamento do fruto, sem dúvida uma das razões principais que esteve na origem do nascimento desta cooperativa, a Bagas de Portugal conta ainda encontrar soluções para outras áreas de interesse dos produtores, nomeadamente a conservação, armazenagem, transformação, promoção, produção, importação, exportação e qualidade do fruto e seus derivados, em especial dos pequenos frutos, como por exemplo a amora, framboesa, physalis, groselha, baga de sabugueiro, medronho, mirtilo, arando-vermelho e goji”, afirma fonte da organização.

Segundo os seus estatutos, a Bagas de Portugal também se irá dedicar à prestação de serviços necessários ao desenvolvimento da atividade dos seus cooperadores; à programação da produção e a adaptação desta à procura; à promoção da concentração da oferta e a colocação no mercado da produção dos cooperadores; ao desenvolvimento e apoio à investigação; à promoção de práticas de cultivo e técnicas de produção e de gestão dos resíduos respeitadores do ambiente; e à organização de ações de formação, workshops, seminários, conferências e outros eventos formativos.

Os órgãos sociais já estão eleitos e em funções, tendo sido designado o produtor Paulo Lúcio para presidente da Direção.
A Bagas de Portugal pode ser consultada na Internet em www.bagasdeportugal.pt/ onde os interessados em fazer parte da cooperativa podem encontrar um formulário de adesão.