Amêndoa: quebras de 70% em Bragança

Segundo os responsáveis regionais do setor, a produção de amêndoa nos concelhos do sul do distrito de Bragança, enfrenta quebras até 70%.

amendoa

Norberto Bonifácio, técnico da Cooperativa de Produtores de Amêndoa de Torre de Moncorvo, diz, que com quebras na produção de amêndoa na ordem dos 70% há preocupações acrescidas em termos económicos para os concelhos a sul do distrito de Bragança.

Acrescentou que se trata de uma cultura que está em expansão nos concelhos do território do Douro Superior e da Terra Quente transmontana, onde cada vez mais os agricultores estão incentivados a plantar amendoal. Mas, com estas quebras na produção, as pessoas começam a pensar duas vezes antes de iniciarem os seus projetos.

Frisou que todos os concelhos onde impera a produção de amêndoa foram afetados, já que se trata de problemas climatéricos que afetaram a cultura do amendoal na altura da floração, onde se registou muita chuva e frio o que impediu o normal desenvolvimento do fruto.

Segundo o técnico, há agricultores que estão a ponderar não apanhar a pouca amêndoa que resta, por não ser tornar rentável.

Apesar do ano ser mau em termos de produção, os agrupamentos de produtores, aconselham a que os agricultores continuem as boas técnicas de manutenção da cultura do fruto e o bom trato dos terrenos.

Fonte: Lusa