Alerta para a lepra dos pessegueiros

pessegos

A Estação de Avisos Agrícolas de Castelo Branco alerta na sua Circular nº 3/2019 para a lepra dos pessegueiros.

Na missiva é explicado que as condições meteorológicas registadas, tempo quente e seco, não têm sido favoráveis ao desenvolvimento do fungo da lepra do pessegueiro.

Porém, a intensidade da doença depende da suscetibilidade das variedades, quantidade de inóculo existente, temperaturas suaves e tempo húmido.

Na presença de condições favoráveis, até ao vingamento dos frutos, os tratamentos devem ser realizados antes da ocorrência de precipitação, com uma das substâncias ativas homologadas: captana (Malvin 80 WG, Merpan 80 WG), difenoconazol (Zanol, Mavita 250 EC, Score 250 EC), dodina (Syllit 544 SC) enxofre (Enxofre Molhável Selectis), zirame (Zico, Zidora AG, Thionic WG).