Ajudas: Portugal recebe 4,8 milhões de euros

Do pacote de 420 milhões de euros anunciado pela Comissão Europeia na sequência da crise do leite, Portugal fica com menos de 2%. Maiores beneficiários são a Alemanha, a França e o Reino Unido.

Portugal vai receber 4,8 milhões de euros de um pacote de 420 milhões definido por Bruxelas para apoiar os agricultores, sobretudo, os produtores de leite e de carne de porco, numa altura de crise de preços e excesso de produção.

Ainda não se sabia qual a distribuição entre Estados-membros do pacote anunciado pela Comissão Europeia há cerca de uma semana, no mesmo dia em que milhares de agricultores protestaram em Bruxelas. Os números foram divulgados nesta terça-feira durante a reunião informal de ministros da Agricultura.
A Alemanha vai receber a maior fatia do bolo: 69,2 milhões de euros. Segue-se a França e o Reino Unido, com 62,9 milhões e 36,1 milhões, respectivamente.

“Este pacote é um apoio alargado, decisivo e robusto. É uma declaração significativa de apoio por parte da Comissão Europeia à agricultura. Reflecte de forma muito concreta o que o presidente Juncker afirmou no seu discurso sobre o estado a União quando se intitulou ‘um forte apoiante da Política Agrícola Comum”, disse Phil Hogan, comissário da agricultura.

Ler aqui.