Agricultores já podem doar produtos online

Os agricultores podem agora doar os seus produtos a instituições de solidariedade social através de uma plataforma digital. A iniciativa é da responsabilidade da Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares e da Entrajuda e surge no âmbito da plataforma ‘Dar e Receber’ com a meta de combater o desperdício alimentar. Assim, o site ‘Dar e Receber’ alberga agora o pilar “Produtos Agrícolas”, que já tem registadas cerca de 4200 instituições de solidariedade que precisam de alimentos.

“Pareceu-nos que seria oportuno desafiar os agricultores portugueses para que coloquem, num site na Internet, todos os seus excedentes e todos os produtos agrícolas que não podem, por alguma razão, ser comercializados ou que não encontram no mercado um preço que compense a sua apanha”, explicou Isabel Jonet, presidente da Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares ao jornal Público.

As doações podem ser colocadas por região e todas as instituições locais registadas serão posteriormente alertadas por email da disponibilidade dos produtos agrícolas.
Além da Entrajuda e da Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares, o projeto conta com a participação da Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP).

FONTE: Vida Rural.