Seminário: “Avaliação Ambiental da Agricultura”

Poster_WebIrá realizar-se, dia 28 de novembro de 2014 em Lisboa, no Instituto Superior Técnico (Anfiteatro do Complexo Interdisciplinar – Campus Alameda), o Seminário “Avaliação Ambiental da Agricultura: Aplicação do software DIALECTE e de outras metodologias ao Ensino, Formação Profissional e Consultoria Agrícolas.

 Este seminário, de acesso livre (mediante inscrição), visa divulgar o Manual de Formação do software de avaliação ambiental de explorações agrícolas DIALECTE em Portugal. Este Manual, elaborado pelo Instituto Superior Técnico e a Terraprima – Serviços Ambientais, Lda., consiste num conjunto de textos e diapositivos com ferramentas e metodologias para profissionais inovadores, incluindo professores do ensino profissional, formadores, consultores e técnicos de organismos agrícolas e técnicos que trabalham com medidas agro-ambientais.

Estas ferramentas e metodologias (textos, diapositivos, sugestões de aplicações informáticas, indicadores, exemplos e exercícios) destinam-se a apoiar a transmissão aos alunos do ensino e formação profissional e a agricultores de conceitos de sustentabilidade na agricultura.

Como objectivos globais, pretende-se que o Manual seja amplamente usado pelos destinatários finais na sua actividade profissional, facilitando a transmissão de conhecimentos aos alunos, formandos e agricultores. Pretende-se também contribuir para o aumento da sensibilidade dos destinatários às questões ambientais na agricultura. No seminário será também debatida a aplicação do Manual em Portugal com representantes dos vários públicos-alvo.

Destinatários

Profissionais inovadores, incluindo professores do ensino profissional, formadores, consultores e técnicos de organismos agrícolas e organizações de agricultores e técnicos que trabalham com medidas agro-ambientais.

Enquadramento

O Manual é um produto do projecto “AGRIDIAG: Agri-environmental farm diagnostic tool “Dialecte” in vocational training” (www.agridiag.hu), financiado pelo Programa de aprendizagem ao Longo da Vida da União Europeia (Leonardo da Vinci) (n.º 2012-1-HU1-LEO05-04850). O projecto visa adaptar e transferir o sistema DIALECTE (http://dialecte.solagro.org) e os materiais de formação associados à Hungria e a Portugal e elaborar um módulo de formação para “auditores agro-ambientais” preparado para a Acreditação. Os destinatários desta transferência de inovação são profissionais inovadores, incluindo professores do ensino profissional, formadores, consultores e técnicos de organismos agrícolas e organizações de agricultores e técnicos que trabalham com medidas agro-ambientais.

O DIALECTE (http://dialecte.solagro.org) é um software online de acesso livre (sendo apenas necessário o registo do utilizador) desenvolvido pela associação Solagro (www.solagro.org) desde 1994. Permite a análise multi-critério e a produção de indicadores de desempenho ecológico e ambiental de explorações agrícolas. Está disponível em francês, português, castelhano, inglês, alemão, italiano, romeno e húngaro e conta actualmente, na sua base de dados, com mais de 1700 explorações agrícolas de todos estes países. Além da avaliação do desempenho ambiental de cada exploração, a base de dados permite a comparação entre o desempenho das explorações em vários temas ambientais.

O consórcio do projeto consiste em entidades de investigação e formação que poderão ser mediadores entre políticas e prática e a autoridade pública húngara que supervisiona os organismos nacionais de aconselhamento agrícola e as escolas profissionais agrícolas:

  • Szent István University, Faculty of Agriculture and Environmental Sciences, Institute of Environmental and Landscape Management (Hungria) – coordenador:
  • National Institute for Agricultural Advisory, Training and Rural Development (Hungria);
  • Dr. Entz Ferenc Vocational School for Agriculture, Commerce and Catering (Hungria);
  • Solagro (França);
  • Institut d’éducation à l’agroenvironnement Supagro Florac (França);
  • Instituto Superior Técnico (Portugal);
  • Terraprima – Serviços Ambientais (Portugal).

O projeto decorre entre 1 de Dezembro de 2012 e 30 de Novembro de 2014.

Programa

9:00 – 9:15 – Recepção e registo dos participantes; entrega de documentação

9:15 – 9:45 – O IST, a Terraprima e a agricultura sustentável: investigação e consultoria (Tiago Domingos, IST e Terraprima)

9:45 – 10:05 – O projecto Agridiag: objectivos, métodos e resultados em Portugal (Nuno Sarmento, IST)

10:05 – 10:30 – O Manual de formação DIALECTE em Portugal (Oriana Lopes Rodrigues, Terraprima)

10:30 – 10:50 – A importância de projetos como o AGRIDIAG na formação dos técnicos agrícolas e no aconselhamento agrícola (Direcção-Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural) (a confirmar)

10:50 – 11:05 – Sessão de perguntas e respostas

11:05 – 11:25 – Intervalo para café

11:25 – 11:45 – Avaliação pedagógica do Manual de Formação na óptica do ensino profissional agrícola (Luís Barradas, Escola Profissional de Desenvolvimento Rural de Serpa)

11:45 – 12:05 – O diagnóstico ambiental da Herdade dos Grous usando o DIALECTE (Filipa Almeida, Herdade dos Grous)

12:05 – 13:00 – Mesa redonda com Tiago Domingos (IST), representante da DGADR (a confirmar), Luís Barradas (Escola Profissional de Desenvolvimento Rural de Serpa), representante da Associação Portuguesa de Escolas Profissionais Agrícolas (a confirmar) e António Martelo (Rural Consulting, Lda.).

 A data-limite de inscrição é 21 de novembro de 2014, sendo a mesma formalizada com o envio, por e-mail, da ficha de inscrição preenchida para ambiental@terraprima.pt.

Mais informações em www.terraprima.pt.