Governo aprova Estratégia Nacional para a promoção da produção cerealífera

cereais

O Governo aprovou esta quinta-feira, 12 de julho, a Estratégia Nacional para a Promoção da Produção Cerealífera, com o objetivo de tornar o setor «mais forte e eficiente», segundo um comunicado do Conselho de Ministros.

A estratégia tem como objetivo atingir, em cinco anos, um grau de autoaprovisionamento em cereais de 38%, correspondendo 80% ao arroz, 50% ao milho e 20% aos cereais praganosos.

«O Governo pretende, deste modo, contribuir para um setor mais forte e mais eficiente, com maior capacidade de resistência à volatilidade dos mercados, com maior capacidade de oferta de um produto de elevada qualidade e mais adaptado às alterações climáticas», lê-se no comunicado citado pela Lusa.