Fundo de 19 milhões para agricultura em Cabo Verde

O Fundo Internacional para o Desenvolvimento Agrícola (FIDA) vai disponibilizar em 2013, cerca de 19 milhões de euros para o financiamento de um programa de iniciativas geradoras de rendimento e emprego no mundo rural em Cabo Verde.

Este programa, negociado após a conclusão do Programa Nacional de Luta Contra a Pobreza (PNLP), também financiado pelo FIDA, visa sobretudo desenvolver acções de combate à pobreza baseadas no empreendedorismo. O PNLP teve início em 2000, com três ciclos de quatro anos, todos financiados pelo FIDA.

Em 2012, o Governo negociou um novo programa, que será executado num horizonte de seis anos, e que, mais do que combater a pobreza, irá apostar na criação de empregos no meio rural, explicou o Coordenador nacional do PNLP, Ramiro Azevedo.

“O acordo de crédito já foi assinando com o FIDA, o conselho de ministros já ratificou o acordo e o novo programa será mais virado para actividades geradoras de emprego e rendimento no mundo rural, e deverá consolidar as acções desenvolvidas pelo programa anterior de luta contra a pobreza”, explicou.

O novo programa surge na mesma linha do PNLP, privilegiando as acções descentralizadas em comissões regionais de parceiros. Este método, segundo Ramiro Azevedo, permite que sejam as comunidades beneficiárias a escolherem os projectos a implementar.

“As escolhas das acções serão feitas pelas comunidades pobres desde de que sejam actividades geradoras de rendimento e que possam de forma sustentável ajudar as pessoas a saírem da pobreza”, garantiu.

Agricultura, pesca, pecuária e capacitação profissional são os sectores em que o novo programa vai centrar as suas acções.

A montagem do projecto, que engloba a capacitação das lideranças locais e a definição dos programas regionais de luta contra a pobreza, será feita nos dois primeiros meses de 2013.

Ramiro Azevedo referiu que o novo programa vai potenciar uma rede já criada de 500 associações em nove comissões regionais de parceiros, através do reforço do trabalho em rede, de forma a beneficiar as pessoas ao dar atenção a projectos cooperativos, associações e pequenas empresas rurais.

Agroportal