Venda de fungicidas caiu 37% em 2015

Os dados constam do relatório “Vendas de Produtos Fitofarmacêuticos Portugal - 2015”, da Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV).

fungicidas

No documento explica-se que o setor registou uma queda de 22%, a qual se deveu sobretudo à queda nas vendas de fungicidas, em 37%, um decréscimo de cerca de 3.055 toneladas.

Nos herbicidas, a substância ativa glifosato, com um peso de cerca de 70% no volume de vendas de herbicidas, continuava a ser a mais comercializada dos herbicidas.

O volume de vendas de produtos fitofarmacêuticos em 2015 totalizou cerca de 10 toneladas, um decréscimo de cerca de 22% relativamente ao ano de 2014, de acordo com o mesmo documento.

Ao todo fungicidas, herbicidas e inseticidas totalizaram cerca de 80% do total de produtos fitofarmacêuticos vendidos.

A DGAV realça ainda que até 31 de dezembro de 2015 tinham autorização de venda em Portugal 1050 produtos fitofarmacêuticos.