Setor do Azeite movimenta entre 6.500 e 11.000 milhões de euros em todo o mundo

pure drops of waterO valor de negócios mundial do setor do azeite varia em cada campanha entre os 6.500 e os 11.000 mil milhões de euros, e desta atividade dependem mais de 30 milhões de pessoas, integradas em 7 milhões de famílias, ainda que tenham diante de si desafios como a modernização das explorações e as estruturas comerciais.

Estas são as conclusões do trabalho denominado “Análise preliminar sobre o estudo internacional de custos de produção de azeite. Diagnóstico, conclusões e recomendações”, elaborado com a coordenação da Direção Executiva do Conselho Oleícola Internacional.

O número de hectares para a produção de azeite é de 11 milhões e estão distribuídas pelos atuais 47 países produtores de azeite dos cinco continentes, enquanto que este alimento é consumido em mais de 160 países.

O relatório ressalva que o setor internacional de produção de azeite é “estratégico” do ponto de vista económico e também muito importante devido à sua “influência e idiossincracia, por motivos de consumo ou produção” que exerce a nível global.

No capítulo de recomendações, o relatório defende o planeamento e criação de estratégias e medidas direcionadas à melhoria da competitividade das explorações. Neste ponto, incentiva a “considerar a formação e transferência de conhecimento” como uma ferramenta para otimizar custos em países com dados desfavoráveis.

Potenciar a qualidade e as características diferenciadoras e apostar na integração de processos

O estudo recomenda também a aposta na qualidade e nas características diferenciadas, sobretudo dos azeites obtidos a partir dos cultivos tradicionais. Afirma ainda que a integração ou concentração são pontos chaves para a competitividade das explorações.

Insta o setor a realizar um “uso mais adequado” dos subprodutos e procurar destinos e utilidades para os mesmos através da investigação, desenvolvimento e evolução tecnológica.

Ler aqui.