O impacto das alterações climáticas em espécies florestais da região da Andaluzia

Simulações sobre o impacto das alterações climáticas na distribuição de 8 espécies florestais da região da Andaluzia, no Sul de Espanha, indicam a Azinheira e o Pinheiro-de-Alepo como as principais espécies a serem beneficiadas, em termos de área de distribuição potencial, pelas mudanças ambientais.

Para as restantes espécies consideradas (Quercus suber; Quercus faginea; Quercus pyrenaica; Quercus canariensis; Abies pinsapo; Pinus nigra; Pinus sylvestris e Pinus pinaster), as simulações mostram que é expectável uma retração severa na sua distribuição potencial na área considerada.

Estes são os resultados de um artigo científico publicado na revista Annals of Forest Science por investigadores da universidade de Huelva.

Saba mais aqui.

Fonte: Rede Rural