FacebookLinkedin

Agrotec

Ministério da Agricultura retira 2.600 toneladas de frutas e hortícolas do mercado

O Governo vai retirar do mercado 2.600 toneladas de frutas e hortícolas, para apoiar o setor, e vai enviar os alimentos recolhidos para instituições de solidariedade social que apoiam famílias carenciadas, segundo divulgado pelo Ministério da Agricultura.

De acordo com uma nota de imprensa da tutela, a medida, «de aplicação imediata, tem como objetivo manter o equilíbrio do mercado, canalizando estes géneros alimentares para instituições de apoio social, beneficiando dessa forma famílias carenciadas».

Esta retirada de frutas e hortícolas divide-se em duas tranches específicas: uma de 1.100 toneladas que se destina apenas à compra de peras e maçãs; outra de 1.500 toneladas que se destina à aquisição de outros produtos hortofrutícolas.

«Em função do resultado desta operação», o ministro da Agricultura admite vir a poder retirar mais 1.500 toneladas de frutas e hortícolas do mercado numa segunda fase.

O comunicado emitido pelo gabinete de Capoulas Santos salienta «que haverá um limite por operador e por período quinzenal que se situa nos 10% do valor da tranche a que respeita o produto em causa».

Fonte: Lusa através de Agronegócios