Empresa inglesa quer promover "transparência alimentar"

A Agrivi, uma empresa sedeada no Reino Unido que comercializa um software de gestão da informação em terrenos agrícolas, adicionou ao seu produto uma nova funcionalidade, que permite que os consumidores saibam onde, quando e como foram produzidos os alimentos que pretendem adquirir.

A nova funcionalidade, o Agrivi Certificate, permitirá identificar elementos como: os fertilizantes utilizados, as substâncias activas, o tempo gasto a produzir determinado hortofrutícola, o valor nutricional do alimento e uma galeria de fotos que mostra os campos onde cresceu.
A informação será disponibilizada pelo agricultor que já usa o Agrivi e será gerado um código QR (Quick Response), que se associará ao produto em causa, e que os consumidores poderão ler com um smartphone.

«Com o Agrivi Certificate, os agricultores podem facilmente divulgar informação importante sobre a forma como os seus produtos foram cultivados e os consumidores podem perceber o que irão comer antes de decidirem se vão comprar ou não o alimento em causa», diz Matija Zulj, director-geral da Agrivi.
Com esta inovação a empresa, cujo software já chega a agricultores de 150 países, diz que começa «a era da transparência alimentar».

Fonte: revista Frutas, Legumes & Flores.