Bejo introduz a sua primeira variedade de True Potato Seed

bejo

A Bejo obteve direitos de obtentor sobre a sua primeira variedade de True Potato Seed (TPS).

Esta nova batata híbrida, Oliver F1, pode ser cultivada diretamente a partir de sementes botânicas e, após o transplante, produz batatas de consumo numa estação.

A Oliver F1 é uma batata ligeiramente farinhenta de forma oval, pele excecionalmente lisa e sabor muito agradável.

O Diretor de Investigação, Bert Schrijver, refere que «os produtores e investigadores da Bejo trabalharam durante mais de 15 anos para desenvolver a primeira variedade de batata híbrida tetratplóide da empresa, cultivada a partir de sementes botânicas. Esta variedade, Oliver F1, foi testada nos últimos anos em campos nos Países Baixos, em colaboração com a Naktuinbouw (Serviço de Inspeção da Horticultura dos Países Baixos) e diversos produtores. O processo de produção de sementes tem sido bem-sucedido e estas já se encontram disponíveis».

O cultivo da batata a partir de sementes botânicas híbridas, e não da propagação vegetativa de tubérculos, traz inúmeras vantagens a produtores e terceiros na cadeia de distribuição.

A True Potato Seed é indemne de doenças, garantindo assim um início de cultivo saudável. A sua compacidade facilita o seu transporte e armazenamento, para além de poder ser cultivada durante todo o ano.

«As vantagens da TPS são particularmente importantes para pequenos agricultores em África, na Ásia e na América Central», afirma Rien van Bruchem, Diretor de Culturas TPS.

E acrescenta: «nestas regiões em desenvolvimento, longos tempos de distribuição de tubérculos de batata podem provocar efeitos devastadores na qualidade da propagação do material. Em contrapartida, a qualidade da TPS é geralmente resistente ao processo de distribuição».

Nos próximos anos, a Bejo irá focar-se «em mercados selecionados nestas áreas, trabalhando com parceiros e produtores locais a fim de aprofundar os seus conhecimentos através de testes comerciais e de facultar aconselhamento sobre cultivo. Ademais, esta nova variedade será testada em vários países europeus de forma a determinar o seu valor».

A Bejo prevê que a TPS não tenha praticamente nenhuma influência sobre o setor bem organizado dos tubérculos de batata de propagação vegetativa.

O cultivo de batatas a partir da TPS é especialmente vantajoso em regiões de difícil acesso. A Oliver F1 é a primeira variedade promissora a resultar do Programa de Seleção de TPS da Bejo.

Outras variedades encontram-se igualmente em desenvolvimento.

Recorde-se que a Bejo é uma empresa líder na seleção, produção e venda de sementes de produtos hortícolas.

Com um total de 50 culturas e mais de 1.200 variedades, a Bejo é uma empresa familiar com atividade internacional, que oferece um programa completo de variedades de produtos hortícolas para todos os mercados e climas.

As sementes da Bejo chegam a mais de 100 países através de uma rede mundial de filiais e de distribuidores. Mais de 1.700 colaboradores trabalham para fornecer o melhor serviço e qualidade possíveis.

Juntamente com os seus clientes e parceiros, a Bejo explora ativamente oportunidades de mercado de forma a desenvolver as melhores sementes para culturas saudáveis e saborosas, assim como para o cultivo sustentável.